Por que Investir Em Criptomoedas?

0
537

(Foto: ProductHunt)

“Criptomoedas não valem nada”

 

“Bitcoins valerão 100 mil USD ainda este ano”

 

Provavelmente você já deve ter ouvido/lido alguma das frases acima. A verdade é que não sabemos quanto realmente valem as criptomoedas e quanto elas valerão no futuro.

 

O que sabemos até então é que algumas pessoas ganharam bastante dinheiro com isso e outras tanto perderam alguns trocados. Também sabemos que a coisa toda se profissionalizou um bocado desde que contratos futuros de bitcoins começaram a ser negociados na bolsa de valores de Chicago.

 

Aqui abre um parênteses importante, a partir do momento que um contrato futuro de bitcoin começa a ser negociado em uma das maiores bolsas mundiais, este contrato futuro começa a ser um indicativo importante nos movimentos das criptomoedas em geral.

 

Ainda, abre espaço para fundos internacionais investirem nas moedas virtuais. Consequentemente, abre espaço para investidores profissionais shortearem (operarem vendidos, ou seja, quanto mais a moeda cai mais se beneficiam) ditas moedas.

 

Mas esse ponto é tópico para um artigo futuro, quanto valem as criptomoedas também. O que quero abordar hoje é: Porque, apesar de não saber quanto vale uma criptomoeda, eu deveria investir nela?

 

Vamos lá, primeiro porque aparentemente as criptomoedas e a tecnologia vieram para ficar, mas não entendo nada disso então vamos focar no valor delas. Segundo que a resposta está na própria pergunta.

 

Como assim? Se não sabemos quanto algo vale, fazemos um exercício de tangenciar os valores aos extremos.

 

Levamos hipoteticamente o valor de um bitcoin ao infinito daqui há 2 anos (veja, nada um dia valerá infinito, aqui é somente um exercício levando hipoteticamente o valor de um bitcoin para o extremo), e você não entrou nessa onda, resolveu somente entrar na onda do crossfit e do slackline e viu todos aqueles investidores que não entendem uma vírgula sequer sobre economia multiplicar seus patrimônios por n vezes.

 

Segundo cenário, você comprou um bitcoin e depois de dois anos, ele vale zero.

 

Onde quero chegar? Quero dizer que se você não sabe quanto vale um bitcoin, você deve sim alocar uma parte do seu portfólio nesse treco. Que parte? Uma parte irrelevante, coisa pequena, dinheiro de pinga. Assim, se o nosso segundo cenário se concretizar, você não irá machucar seu bolso.

 

Agora, se você alocar uma pequena parte da sua energia financeira e o primeiro cenário se concretizar, veja, você poderá multiplicar em algumas vezes seu capital.

 

Em suma, não sabemos quanto vale um bitcoin e não tenho a pretensão de saber, mas ao construir um portfólio, entendo que posições com matriz de payoff assimétricas, ou seja, quando minha posição não vai ao meu favor eu perco pouco e quando a posição anda a meu favor eu ganho muito, são vantajosas no longo prazo.

 

Essas e outras lições são constantes nas principais bibliografias sobre investimentos, mas o investidor pessoa física dificilmente consegue trazer esses ensinamentos para a prática, deixando esses apenas no campo das ideias.

 

O Autor declara que este texto reflete única e exclusivamente suas opiniões pessoais e foram elaboradas de forma independente e autônoma.

[amazon_link asins=’8581190766,B071ZQ4MG1,B076Z5H8PH,1491954388,8550800678,B07BQYW7Z2′ template=’ProductGrid’ store=’cdbitcoin-20′ marketplace=’BR’ link_id=’133e757c-9994-11e8-8a2c-21af35f0f38f’]